Coração Parado

Eu estava deitado
Quando consegui olhar pro lado
E lembrei que você dormia ali
Com a calma que não existia de dia
Levantei com um sobressalto
Olhando assustado pro céu nublado
Que se sobressaía
Assim como era quando você sorria

O seu coração parou de bater
Enquanto a dor insiste em doer
Mas o meu amor só sabe dizer
Tudo aquilo que eu continuo sentindo
Eu amo você
Eu amo você
Até mesmo quando não existo

O beijo na testa é necessário
Tanto quanto foi no nosso passado
A saudade em não ter mais isso ainda me corta
Pois eu sei que você não volta
Ainda ouço o som dos seus lamentos de tristeza na minha
Como se fosse uma sinfonia tocada numa chuva fria
O que me resta agora são as lembranças
E isso às vezes me cansa

O seu coração parou de bater
Enquanto a dor insiste em doer
Mas o meu amor só sabe dizer
Tudo aquilo que eu continuo sentindo
Eu amo você
Eu amo você
Até mesmo quando não existo

Andando como um passarinho machucado
Me senti completamente inacabado
Porque o mundo sem você perde um bocado de cor
Saí do quarto devagar
Quando de repente meus pés pesaram no chão
Pois eu vi você de novo naquele caixão
E o seu gato miando ao lado
Esperando você acalmá-lo
Só que era em vão

O seu coração parou de bater
Enquanto a dor insiste em doer
Mas o meu amor só sabe dizer
Tudo aquilo que eu continuo sentindo
Eu amo você
Eu amo você
Até mesmo quando não existo
Eu amo você...

Você vai gostar de ler também

1 comentários

Instagram @oquesintoempalavras

TEXTOS SOBRE PERSONAGENS DE SÉRIES, FILMES, LIVROS E MAIS!

Combates: Livros e HQ's que basearam Filmes e Séries!

D I S C L A I M E R

Todo o conteúdo publicado neste site é de autoria dos escritores/colunistas. O compartilhamento sem os devidos créditos é proibido. A maioria das imagens usadas são de reprodução da internet - caso sua imagem esteja aqui sem os créditos, entre em contato.

FRASE DO DIA