Eu tenho algumas amigas, me permite falar delas?

Mesmo a distância, amizades são amizades. Amizade significa força. Sim, força. Força porque é aquele ombro, braço, coração amigo, que fará você aguentar todas as batalhas que vier a enfrentar ao longo da vida. Que fará seu mundo ficar melhor de algum jeito. Que vai conseguir, mesmo a quilômetros de distância, reorganizar todas as pecinhas fora do lugar. Amizade, mesmo virtual, consegue ser muito mais real.

Eu tenho algumas amigas, me permite falar delas? 

A primeira tem aquele sorriso que acalma, sabe? Aquele sorriso que te faz sorrir sem motivo. Ela me faz acreditar que existe um mundo muito melhor do que eu vejo. Ela é alegre, contagiante, tem um coração gigante que sempre acolhe quem precisa. Ela é justa, sempre defende o que ou quem acredita. E ela sempre está aqui quando precisam dela. Ela sempre estende a mão para ajudar alguém, mesmo quando é ela quem está precisando de ajuda.

A segunda, mesmo bem louca, demonstra o amor de um jeito tão inocente, que eu me sinto em um abraço o tempo todo. Sabe o termo agridoce? Se encaixa perfeitamente para ela. Porque é uma pessoa que sabe o momento que precisa ser doce, mas também sabe quando precisa destilar um pouco do veneno que tem. Ela é daquelas que quando enxerga o problema chegando, te liga para segurar suas mãos e te apoiar enquanto tudo está desmoronando, e não depois.

A terceira é a pessoa mais bondosa que já conheci na vida. Ela te abraça com palavras, sabe? Parece que existe uma biblioteca infinita de abraços na mente dela, para que sempre quando for preciso, ela use-os para te confortar. Sempre sabe exatamente o que falar, quando, como, é incrível o dom que ela tem. E ela te abraça e te segura firme. Ela entra naquela causa com você. Ela sente sua dor, toma como dela. Não se importa com os meios que vai usar, mas sempre encontra um jeito de nos piores momentos, te confortar.

A quarta é aquela que te apoia mesmo quando acha que você pode cair e quebrar a cara. Ela te apoia, dá força e ajuda nas suas ideias porque sabe que, se você cair, ela estará lá embaixo para te segurar. Ela é o seu apoio, seu travesseiro, seu conforto. Ela sempre te acompanha no mesmo ritmo. Às vezes parece que consegue se conectar, sabe? É incrível como ela, com seu jeitinho maluco, com sua energia – que parece nunca acabar – consegue fazer tanta coisa e ainda ter tempo para ser incrível e cuidar de quem está por perto.

A quinta é aquela que se encaixa na famosa expressão “eu tenho vontade de te colocar num potinho”. Não só porque é extremamente carinhosa, bondosa, meiga e acolhedora. Mas porque além de tudo isso, ela tem um jeito único de ver o mundo. E esse jeito dela é o que encanta e conquista todos à sua volta. Ela tem um coração tão grande e bondoso, que conforta o mundo inteiro, ao mesmo tempo, mesmo quando ela precisa de conforto. Ela é o tipo “mulher-maravilha”, sabe? Ela consegue dar um jeitinho mesmo quando parece ser impossível conseguir. E acredita em tudo que você pensa ou faz como ninguém.

A sexta tem aquele ar meio inocente e nada bobo. Ela pode não estar presente todo o tempo, mas quando você precisar dela, ela estará lá. Parece que tem um faro para conseguir detectar a hora de chegar, sabe? Ela sempre sabe. E ela houve com paciência tentando te entender e te ajudar, do jeitinho dela. E tudo nela te passa calmaria. A voz, o jeito de lidar com os problemas, os conselhos, tudo. Ela é como um chocolate na TPM, sabe? Algo que você sente que precisa para melhorar.

A sétima é a maluquinha que te conquista e te faz sorrir um pouco mais todos os dias. Aquela que tagarela junto com você, que não se importa de mandar mil áudios de um minuto cada – e ouvir os seus. É aquela que você precisa receber um bom dia para o dia ser bom, sabe? Ela me dá esperança – não só pela cor – de que ainda existem pessoas de coração puro no mundo. Porque ela é uma delas.

São sete pessoas incríveis, não é mesmo? E eu tenho muita sorte de tê-las comigo sempre. De poder ama-las e cuidar de cada uma. De poder dormir, todos os dias, com aquele sorriso que chega quando eu penso que, mesmo que demore, a minha vida não estará completa enquanto eu não puder dar um abraço em cada uma delas.

Mas eu sei esperar.

Porque a distância, mesmo que dolorosa algumas vezes, me trouxe a felicidade de conhecê-las. E só de saber que, todos os dias, eu vou acordar e tentar encontrar um meio de chegar até esses abraços, o meu dia já é mais feliz.

Ao longo do tempo, eu tive a oportunidade de conhecer outras pessoas incríveis também. A internet tem esse poder de aproximar as pessoas distantes. E eu espero poder, um dia, estar aqui escrevendo mais sobre elas.

Você vai gostar de ler também

0 comentários

Instagram @oquesintoempalavras

TEXTOS SOBRE PERSONAGENS DE SÉRIES, FILMES, LIVROS E MAIS!

Combates: Livros e HQ's que basearam Filmes e Séries!

D I S C L A I M E R

Todo o conteúdo publicado neste site é de autoria dos escritores/colunistas. O compartilhamento sem os devidos créditos é proibido. A maioria das imagens usadas são de reprodução da internet - caso sua imagem esteja aqui sem os créditos, entre em contato.

FRASE DO DIA